segunda-feira, 6 de maio de 2013

Criação colaborativa - Orcs e afins

Uma das mudanças de postura que para mim tem
sido mais proveitosas esse ano é a construção colaborativa. Melhor dizendo, ao invés de assumir toda a responsabilidade na definição da cara e personalidade do mundo de campanha, estou devolvendo uma pergunta sobre o cenário feita pelos jogadores por outra - “e como você que seria?”. Isso tem dado frutos não previstos, afinal ,essa é um dos pontos fortes dessa abordagem. Uma das questões postas em pauta que tiveram insight proveitoso foi no papel dos orcs na campanha.

Ainda não está nada definido ou escrito em pedra, mas ao perguntar ao grupo “e os orcs, serão do tipo World of Warcraft ou Orcs com cara de porco, como lembram do caverna de dragão?”, motivou todo tipo de respostas, com seus usuais defensores e alguns inclusive apresentando outra visão completamente diferente. Mas um jogador apresentou argumentos bastante interessantes para os orcs serem porcinos, e provavelmente eles se materializarão desse jeito. Um debate semelhante será feito quanto aos halflings, mesmo tendo dado carta branca à uma das jogadoras para apresentar o que melhor lhe parecer.
Mais do que dividir a responsabilidade e o fardo com os jogadores, mas também dividir as recompensas da paternidade da coisa. Espero conseguir um maior interesse e dedicação dos jogadores, pelo menos daqueles que realmente estiverem investidos nisso.
Para os curiosos, o argumento que me convenceu foi de que os orcs porcinos seriam “uma zombaria para as outras raças e à criação divina das raças de jogadores”. O cenário tem toda uma conotação do antigo império bizantino, com uma disputa entre os sacerdotes do deus verdadeiro e aqueles que ainda prestam homenagem aos antigos deuses. Mas não tinha pensado nessa visão de afronta à criação, apenas que preferia os orcs com cara de porco mesmo!

O que é Masmorras da Mente?

Aqui você encontrará informações e reflexões sobre RPG e Espada e Magia, com um destaque para Dungeons & Dragons e "Old School Gaming". Puxe sua caneca e seja bem vindo!